Justiça Divina

justicia1Deus não tem prediletos, isso é, Ele quer abençoar a todos, mas tudo depende da fé, da confiança e da determinação que cada um tem diante de Deus.

 

A Palavra de Deus diz: “E contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer,Dizendo: Havia numa cidade um certo juiz, que nem a Deus temia, nem respeitava o homem. Havia também, naquela mesma cidade, uma certa viúva, que ia ter com ele, dizendo: Faze-me justiça contra o meu adversário. E por algum tempo não quis atendê-la…” ( Lucas 18.1-4).

 

Naquela época, as viúvas ficavam desprotegidas, sem nenhuma lei que lhes amparasse. Ao contrário, do que acontece atualmente.

 

A viúva que a parábola menciona tinha dois problemas, em era contra o seu adversário e o outro era um juiz que se negava a atendê-la, o qual estava sendo injusto com ela. O que essa viúva tinha ao seu favor? A única coisa que ela tinha era sua fé, ela cria que essa situação mudaria e ela conquistaria a solução do seu problema.

 

Por isso, não aceitou as respostas negativas que lhe dava o juiz, não aceitou um “não” como resposta. De forma nenhuma ela se deu por vencida, e ia todos os dias a bater na porta daquele juiz, pedindo que ele julgasse a sua causa. Até que um dia, aquele juiz não aguentou mais ver aquela viúva em sua porta: “… mas depois disse consigo: Ainda que não temo a Deus, nem respeito os homens. Todavia, como esta viúva me molesta, hei de fazer-lhe justiça, para que enfim não volte, e me importune muito.” (Lucas 18.4-5). A insistência e perseverança foi tanta, que ela logrou mudar a decisão daquele juiz, o qual acabou julgando a sua causa.

 

Se aquela viúva tivesse desistido, se tivesse desanimado, não teria solucionado o seu problema, mesmo que tivesse tudo em contra de si, ela usou a fé, perseverou e conquistou sua meta. “E disse o Senhor: Ouvi o que diz o injusto juiz.E Deus não fará justiça aos seus escolhidos, que clamam a ele de dia e de noite, ainda que tardio para com eles? Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?(Lucas 18. 6-8). Através dessa palavra, o Senhor Jesus nos mostra o caminho para a vitória. Deus é quem julga nossa causa. Ele tem todo o poder, toda a autoridade para mudar qualquer situação, porque para Ele não há impossíveis.

 

Quando em nossa vida se apresentam situações que temos que resolver e ninguém pode nos ajudar, o que é que temos que fazer? Clamar de dia e de noite. Deus sempre faz justiça para aqueles que lutam, perseveram e obedecem a Sua Palavra. Talvez você se encontre passando por uma injustiça em sua vida, Deus quer julgar sua causa, Ele quer trabalhar em sua vida e mudá-la completamente. E Ele com toda certeza fará, se você crê, persevera e luta para vencer.

 

Deixe uma resposta